Book da adoção: João & Karla

Vamos divulgar:

Lindo ensaio fotográfico da gestação do coração

“Meu nome é Karla, sou pedagoga e casada com João Demetrio, também de 37 anos, Administrador de Empresas. Moramos em Recife, PE e estamos juntos há 5 anos (sendo dois anos casados). Sempre tivemos o desejo de aumentar nossa família e nos tornarmos pais, quando casamos dizíamos que eu já voltaria grávida da lua de mel (mas não voltei)… O tempo foi passando e nada acontecia, quando investigamos descobrimos que não poderíamos ter filhos biológicos (prefiro não dizer de quem é o problema para não nos expor).
Pense num choque! Que luto para nós e nossa família, viu… Resolvemos então fertilizar. Saímos do consultório da geneticista certos de que era só arrumar o dindin e pimba, estaríamos grávidos! Eu, curiosa como sou, fui investigar e aprender mais sobre o assunto, começando a participar de vários grupos. Percebi então que não era bem assim…
Comecei a ter dúvidas se queria mesmo fertilizar (ou será que isso era porque Deus já tinha traçado um plano?), mas não tinha coragem de dizer ao meu marido sobre minha dúvida. Então, depois de uma crise de choro na comemoração do Dia das Mães da nossa igreja (que vergonhaaaa), no caminho de volta pra casa eu disse que não queria passar por toda aquela dor e sofrimento que a fertilização causaria e não ter nenhuma segurança se daria certo. Para minha surpresa, ele me respondeu: Ufa, ainda bem! Eu só aceitei por sua causa, pois também não queria… (kkkkkkk)! Daí então, começamos a amadurecer a ideia da adoção, mas, como nem conhecia direito o tema, continuei sem ter certeza (a única certeza que eu tinha era que queria ser mãe).
Em uma madrugada, sem conseguir dormir, me levantei e fui falar com Deus. Na minha oração, pedi respostas, se era mesmo uma adoção que Ele queria para nossas vidas! Ao abrir a bíblia, já me deparei com um sinal divino, pois o trecho tratava sobre a adoção que José fez de Jesus. E como minha bíblia é da mulher, possui indicações de leitura em determinada página. Quando achei a indicação, para minha alegria o título do texto era “LARES ADOTIVOS“!
Que resposta mais eu poderia querer???? Caí em lágrimas e agradeci imensamente a Deus por essa experiência e por sentir o imenso amor dEle por nós!!!!”
Agora, estamos aqui, meu marido e eu. Engajados na causa, gravidíssimos do coração, a espera de um menino ou menina, de 0 a 5 anos, independente de cor… E mais, abrimos o perfil para receber até dois irmãos!!!! 😀
Que Deus nos abençoe imensamente e nos segure pela mão nessa longa caminhada!!!
Um xero (como nós dizemos por aqui),
Karlinha Predo e João Demétrio.
Vamos divulgar:
%d blogueiros gostam disto: