Adoção: Depoimento de uma filha que foi gerada no coração – por Karina Pupo

Vamos divulgar:

Estive lendo o blog e percebi que há muitos depoimentos de mães do coração, decidi então dar o meu depoimento, o de filha do coração.

Tempos atrás minha mãe descobriu que não poderia mais ter filhos, pois teve que ser submetida a uma cirurgia chamada de ooforectomia bilateral (foram retirados os dois ovários no intra operatório). Na época ela tinha apenas 16 anos.

Quatro anos após conheceu meu pai e ambos casaram-se após um ano.

Com o imenso desejo de ter filhos, entraram na fila para adoção.

Em 1992 eu nasci e fui então destinada aos meus pais e em 1994 nasceu meu irmão,Gabriel.

10541942_690000897755851_9091824129786468063_nDesde muito pequena sei de toda a história e nunca tive problemas com isso, pois sempre me senti muito amada, acolhida e protegida. Nunca tive problemas ao contar minha história e as vezes conto com tanta naturalidade que meus amigos e conhecidos assustam.

Em outubro desse ano me formo médica e sempre que me deparo com pacientes que tem dificuldades na concepção comento e enfatizo a possibilidade da adoção, creio que seja um assunto que deveria ser mais comentado e difundido.

Karina Pupo (Gravidez Invisível)

Vamos divulgar:
%d blogueiros gostam disto: